Por que utilizar os últimos padrões de etiquetagem?

A etiquetagem eficaz de cabos ajuda a agregar valor às suas operações. Com ela, você terá instalações organizadas das quais você poderá se orgulhar. Manter-se atualizado sobre as práticas recomendadas pode beneficiar sua empresa e seus clientes com maior eficiência, lucratividade e satisfação do cliente. Sistemas adequadamente etiquetados beneficiam todos nós – instaladores, técnicos de TI, proprietários e empresas.

A explosão de dados

A etiquetagem se tornou muito mais importante nos últimos anos com o crescimento dos data centers e a implementação dos padrões de etiquetagem ANSI/TIA, incluindo a mais recente TIA-606-C

Amanhã tudo pode mudar – as infraestruturas de rede nunca são estáticas, sempre estão mudando para acompanhar as novas tecnologias. Os cabos instalados hoje serão substituídos amanhã.

O mundo sem fio precisa ser conectado – à medida que caminhamos para um mundo “sem fio”, a quantidade de cabeamento nas instalações aumenta, pois mais dispositivos são conectados e atualizados.

Um investimento que vale a pena – embora a identificação seja apenas uma parte de uma instalação bem-sucedida do cabeamento estruturado ou data centers, ela desempenha um papel importante para garantir o máximo de tempo de atividade e a conformidade nas auditorias para seus clientes.

O mais novo padrão da: TIA-606-C

O padrão TIA-606-C especifica sistemas de administração para infraestrutura de telecomunicações em edifícios (incluindo instalações comerciais, industriais, residenciais e de centros de dados) e entre edifícios. Esta infraestrutura pode variar pelo tamanho de um edifício que requer uma única sala de telecomunicação (TS) e elementos associados. Esta norma aplica-se à administração de infraestrutura de telecomunicações em edifícios existentes, reformados e novos.

Quais as novidades na TIA-606-C?

Grande parte do padrão TIA-606-B ainda se aplica ao padrão TIA-606-C, mas há algumas novas adições e atualizações.

  • Anexo D: o Anexo D fornece diretrizes adicionais para administração de cabeamentos que suportam alimentação remota, incluindo esquema de identificação de chicotes ed cabos. É um desenvolvimento importante porque permite que sistemas de gerenciamento de infraestrutura automáticos de diferentes fabricantes trabalhem juntos.
  • Mudanças no esquema identificador para aterramento de telecomunicação e elementos do sistema de ligação: essas alterações especificam o uso de termos compatíveis com a ISO/IEC 30129. Termos usados em versões do padrão TIA-607 anteriores à revisão C também serão permitidos.
  • Esquemas de identificação para ligação de telecomunicação e elementos do sistema de aterramento alterados para alinhamento com o TIA-607-C:

•             BCT – bonding conductor for telecomunications (condutor de ligação para telecomunicações) alterado para TBC (condutor de ligação de telecomunicações)

•             RGB – rack grounding busbar (barramento de aterramento do rack) alterado para RBB (barra de ligação de rack)

•             GE – grounding equalizer (equalizador de aterramento) alterado para BBC (condutor de ligação de backbone)

•             TGB – telecommunications grounding busbar (barramento de aterramento de telecomunicações) alterado para SBB (barramento secundário de ligação)

•             TMGB – telecommunications main grounding busbar (barramento de aterramento principal de telecomunicação) alterado para PBB (barramento de ligação primário)

Seguir o padrão elimina a adivinhação de criar etiquetas no escritório ou durante o trabalho.

Por que seguir a TIA-606-C?

Torna seu trabalho mais fácil – seguir o padrão elimina a adivinhação de criar as legendas nas etiquetas que você imprime no escritório ou na obra.

Melhora sua eficiência – reduza o tempo gasto na criação de etiquetas para agilizar todo o processo de instalação e identificação.

Melhor prática – o TIA-606-C é o padrão da indústria, facilita o acompanhamento da rede para os atuais e futuros membros da equipe do cliente.

A marca do profissionalismo – a identificação clara e durável, de acordo com os padrões TIA-606-C, é um sinal de sua experiência e conhecimento.

Cumprimento das garantias – algumas garantias de instalação dependem da identificação e da documentação bem realizada que são entregues diretamente ao usuário (cliente), como prova de instalação do sistema. Visto que as garantias estendidas são um fator-chave nas decisões de compra, certificar com sucesso um sistema fornecendo esse tipo de informação ao cliente é extremamente importante.

Melhora a manutenção de registros – o padrão exige que você vincule um registro para cada identificador impresso em uma etiqueta, permitindo que seus clientes tenham uma infraestrutura bem documentada que pode ser compreendida e gerenciada por qualquer pessoa responsável por fazer mudanças, acréscimos ou alterações.

Aumenta a satisfação do cliente – os clientes apreciam que seus projetos, grandes ou pequenos, sejam instalados em total conformidade com todos os padrões aplicáveis. Do ponto de vista do proprietário do edifício, uma infraestrutura não identificada se torna um risco, pois não é possível realizar um trabalho de manutenção competente de maneira econômica e eficaz. O custo de rastreabilidade é sensivelmente reduzido quando a identificação é corretamente feita. Diminuímos tempo para achar um problema na rede, ou até para fazer mudanças e alterações.

Cria novas oportunidades de negócio – algumas vezes, os instaladores recusam a oferta de reparo e manutenção porque o rastreio de cabos é trabalhoso e demorado. A adoção dos padrões TIA-606-C facilita a licitação competitiva em trabalhos futuros quando a expansão ocorre ou a manutenção é necessária.

Redução de responsabilidade – futuros trabalhadores de manutenção podem realizar reparos e atualizações de instalação de uma maneira mais segura, com um risco reduzido de erro humano.

Resolução de problemas mais rápida – ser capaz de identificar informações sobre cabos rapidamente torna a solução de problemas mais rápida e fácil.

Fale conosco e certifique-se de que você está usando impressoras, etiquetas e software que facilitam seguir o mais recente padrão tia-606-c.